Anúncio

Recolher
No announcement yet.

DÚVIDA: Eficácia e Sustentabilidade, Raios Divinos ou Raios Contínuos?

Recolher
X
  • Filtrar
  • Hora
  • Exibir
Limpar Tudo
novos posts

  • DÚVIDA: Eficácia e Sustentabilidade, Raios Divinos ou Raios Contínuos?

    Olar, não sou lá um grande conhecedor de sacerdotisas, mas me encontrei num impasse entre essas duas skills pra up como 8x raso.

    Ok, os Raios da T4 possuem alguns segundos de delay, mas sei lá, me parece um intervalo aceitável pra uma skill em área com dano BEM superior aos Raios tradicionais (além do custo de mana levemente superior, mas ainda assim acho vantajoso, uma vez que não são necessárias tantas repetições).

    Pensei em redistribuir as skills justamente para virar o foco pra cima dos Raios Contínuos e focar num up mais concentrado, mas sei lá, né. Afinal, também não conheço muito bem sobre a T5.

    Enfim, a pergunta é: Vale a pena focar nos raios contínuos como principal skill em área, ou mantemos os famosos raios divinos como principal skill até certo level? E sobre a T5, existe uma skill que substitua a eficácia desses dois (tipo um força divina dos Xamãs, etc)? Afinal, como a acessibilidade pra redistribuir as skills ficou muito mais fácil, não vale a pena upar e após um certo level focar as skills pra outros propósitos?
    Editado por Jaqen; 28/08/2019, 01:24.

  • #2
    Tier 5 tem o impacto. Mas tem um custo elevado de mana.

    Comentar


    • #3
      Em level mais alto e com itens medianos a sacer não gasta mana, então pode upar do jeito que está agora até redistribuir e usar Impacto Espiritual da Tier 5
      Também pode redistribuir agora e usar os Raios Contínuos até começar a usar Impacto, algumas sacerdotisas usam os dois, mas tenha em mente que a sacer gasta muito EP e vai faltar em alguma outra magia de defesa

      Comentar


      • #4
        Postado originalmente por Jaqen Ver Post
        Olar, não sou lá um grande conhecedor de sacerdotisas, mas me encontrei num impasse entre essas duas skills pra up como 8x raso.

        Ok, os Raios da T4 possuem alguns segundos de delay, mas sei lá, me parece um intervalo aceitável pra uma skill em área com dano BEM superior aos Raios tradicionais (além do custo de mana levemente superior, mas ainda assim acho vantajoso, uma vez que não são necessárias tantas repetições).

        Pensei em redistribuir as skills justamente para virar o foco pra cima dos Raios Contínuos e focar num up mais concentrado, mas sei lá, né. Afinal, também não conheço muito bem sobre a T5.

        Enfim, a pergunta é: Vale a pena focar nos raios contínuos como principal skill em área, ou mantemos os famosos raios divinos como principal skill até certo level? E sobre a T5, existe uma skill que substitua a eficácia desses dois (tipo um força divina dos Xamãs, etc)? Afinal, como a acessibilidade pra redistribuir as skills ficou muito mais fácil, não vale a pena upar e após um certo level focar as skills pra outros propósitos?
        O impacto no lv1 já é mais vantajoso para você do que RAIOS DIVINOS, pois eles possuem um Nºx de acordo com o lvl upado da skill, o impacto em si é por área, logo a quantidade de mob acertado pela skill da tier 5 é bem mais eficiente, mesmo em lvl baixo !
        O combo entre Raios Continuos e Impacto, e Raios continuos e Raios divinos é muito bom, pois os Continuos além de ter um "dano" aceitável, tem a função de prender os mobs que acertam, pode reparar que quando você usa eles, os mobs reagem (esqueci o nome disso, mas existe um termo) e voltam a perceber q a Sacer !
        Se você for totalmente POWER, vale a pena você investir nos raios, mas para você acho melhor seguir a parte Hibrida para evitar os gastos ! Deixe Raios continuos para frente quando for lvl mediano (12x+) e invista no seu Ramiel e Benção de Krishna !

        Espero ter ajudado xD

        Comentar


        • #5
          O ruim de escolher o raios da TIER 4 é que voce sacrifica o MUSPELL, e logo logo a volta da esquina está o Impacto que tem melhor alcance e poder que ambos raios da T2-4.
          Jogador do Priston Tale Brasil desde 2005.

          Comentar

          Carregando...
          X