Anúncio

Recolher
No announcement yet.

Balanceamento da Sacerdotisa esta ruim?

Recolher
X
  • Filtrar
  • Hora
  • Exibir
Limpar Tudo
novos posts

  • Balanceamento da Sacerdotisa esta ruim?

    Poderes sacer 118 á140 não mudou em nada unica coisa GM fez é tira delay dos poderes esta continua uma droga

  • #2
    Nem é que ela tá ruim... Só não tá boa, tendeu?

    Comentar


    • #3
      Hoje a sacer tem o maior dano em área do jogo e as melhores skills de defesa.
      Aliado a um evento de exp que só favorece ela e mais ninguém.
      Tá de brincadeira, né?

      Comentar


      • #4
        O jogo hoje "começa" no 14x+ (155+ na verdade, pq abismo virou a nova Estrada, mapa de upar mula no sug), aceita ou quita do jogo.
        Sacer tem o maior dano em área (com buff do xamã), é aceita e desejada por qualquer pt. Ela não tanka tanto, mas isso pouco importa já que o dano é alto e o range suficiente pra upar tranquilo sem precisar de shop pra defesa, então não há do que reclamar, e tem os eventos MV que lhe conferem uma vantagem absurda, mas nesse formato recente (algumas hordas de 2h) ficou bom pra ser feito até com maior frequência, digamos a cada 4 meses.

        Comentar


        • #5
          Postado originalmente por ToadAthilas Ver Post
          Hoje a sacer tem o maior dano em área do jogo e as melhores skills de defesa.
          Aliado a um evento de exp que só favorece ela e mais ninguém.
          Tá de brincadeira, né?
          Maior dano em área? Conhece arqueira amigo?

          A sacer está boa em alguns pontos sim, mas está fedendo em outros.

          Não disputa Boss
          Não mata PvP
          ​​​não tem hack disponível (presa e drena) igual todas as classes tem
          É Prostituída a todo instante, e as vezes nem assim consegue vaga na PT
          Ou seja ela upa legal sim mas pra um char que só faz isso deveria ser especialista na área ou balancear apropriadamente

          Comentar


          • Cabras
            Cabras comentou
            Editando um comentário
            A sacer tem sim o maior dano em área do game e a skill mais rápida. São 4 impactos para 3 armadilhas ambos com buff do xamã. Uma sacer 165 chega a causar 2200 de dano na skill em área no abismo 2, enquanto uma arqueira 170 chega a 1900, em cada monstro.

            A sacer precisa de muitas melhorias ainda, mas é inegável que é o melhor char de up atualmente

          • Erik
            Erik comentou
            Editando um comentário
            vale ressaltar que quem tem sacer, não tem a mesma prostituída por usufrui de tudo dela

            quem upa uma sacer só para o vl (os players tem esse direito, pasmem), usa somente pro vl e ta ótimo também, estes acredito, não façam questão de danos ou balanceamentos

        • #6
          O problema do balanceamento de classes é que até hoje não se tem uma visão muito clara sobre qual o papel de cada classe no jogo e isso acaba gerando diversas distorções no balanceamento. No caso da Sacerdotisa, isso é multiplicado em algumas vezes. Ela é uma personagem suporte, interessante, mas quais seriam suas características defensivas? Ofensivas? Qual seria sua real função de suporte já que tanto a Ressurreição quanto o VL viraram itemshop? Nenhuma dessas perguntas tem uma resposta clara e unânime atualmente. Na época, era pior ainda.

          Houve um segundo problema: não se tinha a percepção sobre o escalonamento de dano das classes mágicas e o problema que as fórmulas fixas gerariam no futuro. Por isso, diversas skills tiveram seu dano ajustado, porém apenas nos multiplicadores das fórmulas, e não, um rework completo como ocorreu recentemente com o Impacto Espiritual.

          Além disso, tivemos um terceiro problema no balanceamento da classe. Querendo ou não, gostando ou não, a Sacerdotisa foi cobaia do atual modelo de balanceamento que foca uma classe por vez. A consequência disso é que estavam muito mais focados em criar um modelo de balanceamento do que de fato adequar a classe à realidade atual e futura do jogo. Diversas skills entraram com problema e saíram com o problema como se não existissem. Não houve padronização da duração das skills pois o modelo ainda estava em desenvolvimento na época. Muitas habilidades não tiveram suas descrições corrigidas (algumas até tiveram e foram removidas posteriormente 🤦*♀️). Quão ridículo é dizer que determinada classe foi balanceada, porém nem algo parnasiano como o som do Gelo Perfurante foi corrigido? Anos e anos executando o som da Grande Cruzada. 🤣

          Até o dano do Impacto Espiritual só é tão elogiado porque ninguém sabe como ele se comporta no low-mid level e quão horrível ele é. Em semanas teremos fórmulas semelhantes no Mago e no Xamã e a desculpa repetida à exaustão "mas é a melhor classe para upar" morrerá. A classe voltará ao título de "Mula de VL" já que até o título de "Mula de MV" já se perdeu...

          No fim, a classe não foi balanceada e dificilmente será com o atual modelo definido pela Zenit. Seria até injusto com as outras classes a Sacerdotisa receber duas fases do balanceamento. Agora é esperar que ela sofra um mini balanceamento semelhante ao que o Mecânico sofreu durante o balanceamento da Atalanta.

          Comentar


          • #7
            Percebi dado aging cajado ou varinha ou fantasma não aumenta pode magico, mas sim poder de ataque, agora como poder de ataque pode ajuda char magico como mago xamã e sacer que eles só usa poderes mágicos, ainda esta especificações no wiki priston que
            Varinhas, Cajados e Fantasmas Ataque Min. e Max. +1, Taxa de Ataque +10, MP Adicional +10
            ao fazer aging pelo entendimento o agings não vai servir itens magico.
            Isso é erro do Zenit game do jogo pq eles são sabe explica sistema poderes magico e onde eles vem.

            Comentar


            • sirZETTO
              sirZETTO comentou
              Editando um comentário
              Isso é porque geralmente as magias dos magicos tem na formula " o dano fixo" gerado pelo poder de ataque....

          • #8
            A sacerdotisa está "jogável" mas ainda está bem longe de balanceada e usufruir tudo o que o jogo propõe atualmente...

            Comentar


            • #9
              o comeback do lemos

              Comentar


              • #10
                Postado originalmente por SacizeiiirO Ver Post
                O problema do balanceamento de classes é que até hoje não se tem uma visão muito clara sobre qual o papel de cada classe no jogo e isso acaba gerando diversas distorções no balanceamento.
                É tão dificil entender isso ?
                Jogador do Priston Tale Brasil desde 2005.

                Comentar


                • Ishyba
                  Ishyba comentou
                  Editando um comentário
                  Eu já desisti desses balanceamentos exatamente por isso.

                  Os personagens são melhorados? Com certeza. São balanceados? Absolutamente não.

              • #11

                ​​​​​​Não pode reclamar de nada da Sacer que sempre vem gente dizer que ela tem o maior dano em área do jogo. Sendo que só é dessa forma se ela estiver usando os buffs do xm.
                Então ela n tem o maior dano do jogo, ******.
                Analisa o personagem individualmente, embora muitos tenham seus buffers (eu msm tenho Sacer e xm 14x+) não é por aí que a régua tem que ser medida.

                Comentar


                • #12
                  Postado originalmente por qshithein Ver Post
                  ​​​​​​Não pode reclamar de nada da Sacer que sempre vem gente dizer que ela tem o maior dano em área do jogo. Sendo que só é dessa forma se ela estiver usando os buffs do xm.
                  Então ela n tem o maior dano do jogo, ******.
                  Analisa o personagem individualmente, embora muitos tenham seus buffers (eu msm tenho Sacer e xm 14x+) não é por aí que a régua tem que ser medida.
                  Acredito ser errado analisar a Sacerdotisa com buffs de outras classes... De fato isso deve ser feito isoladamente... Como em qualquer outro jogo, sacerdotisa tem a função de suporte, pode até ter função pvm, mas dificilmente ira fazer muita coisa no pvp... A não ser dar suporte... Mas uma classe suporte no priston é tão inútil que não faria sentido algum fazer um balanceamento na sacer e levar o personagem mais para o lado suporte do que outra coisa... Acredito que essas mudanças na sacer ocorreu mais para fazer a galera parar de reclamar do que outra coisa... A realidade é que, quem joga de sacer (como eu) tem sua vida no priston estagnada e sem muita função...

                  Logo... Criei uma Ata...

                  Comentar


                  • #13
                    Postado originalmente por SacizeiiirO Ver Post
                    O problema do balanceamento de classes é que até hoje não se tem uma visão muito clara sobre qual o papel de cada classe no jogo e isso acaba gerando diversas distorções no balanceamento. No caso da Sacerdotisa, isso é multiplicado em algumas vezes. Ela é uma personagem suporte, interessante, mas quais seriam suas características defensivas? Ofensivas? Qual seria sua real função de suporte já que tanto a Ressurreição quanto o VL viraram itemshop? Nenhuma dessas perguntas tem uma resposta clara e unânime atualmente.
                    Depois que comecei a jogar o MMORPG da Terra-Média percebi melhor as falhas aqui do Priston. Normalmente jogo com magos/feiticeiras/sacerdotes nos RPG's, mas dessa vez preferi iniciar sendo uma arqueira. Mesmo sem entender direito sobre as classes (até hoje inclusive), percebi que apesar de não aguentar levar muita pancada, os arqueiros de lá matam muito mais rápido do que outras classes, mesmo sendo low lvl.
                    Iniciei a pouco tempo um bardo, famoso suporte que cura e ressuscita, tal qual nossa adorada sacerdotisa. Apesar de ainda estar lvl 15 com o bardo, já senti a diferença na jogabilidade. O bardo atacando com sua flautinha, pandeiro ou sei lá qual instrumento musical, é uma lesma pra matar algum mob, da até tristeza de continuar jogando nele. Porém, é a classe que mais cura no jogo. Basicamente é quase impossível morrer sendo bardo se você está com os buffs de curar vida ativos. É interessante que lá da pra variar a dinâmica, podendo ser um bardo que cura geral, cura somente a si (e fica mais focado em dano) ou cura geral+si mesmo. Um bardo nunca vai matar ou dar dano como um arqueiro. Porém um arqueiro nunca vai curar como um bardo (mesmo o arqueiro tendo um buff que tem determinada chance de curar X de vida própria).
                    Apesar de ter itens shop lá que dão mais vida, maior regen, ainda se tem o cuidado que esses itens sejam bem mais fracos do que as habilidades de cura de um bardo. Quando se morre (seja por queda ou por ataque dos monstros) tu é teletransportado automaticamente para um ponto de respawn no mapa (normalmente tendo a sorte de ser muito longe de onde você estava antes kkk) e nasce sem os buffs de skill e qualquer item de buff ativo anteriormente (comidas, itens de regen de vida etc). Não sei se quando você é revivido por um bardo você volta no mesmo local anterior a morte com os buffs ativos, porém seria uma boa ideia kk Agora me diz, quem é que usa o ressu da sacerdotisa? Quantas pessoas são curadas pela cura/cura máxima no up ao invés de serem curadas pela própria Presa vampírica?

                    Enfim, somente mais uma sacer amargurada com o sentimento de inutilidade fazendo textão no fórum reclamando por algo que dificilmente vai mudar. Apenas queria um core para a Coreia do Sul e poder dar uma cajadada na galerinha da desenvolvedora que, sinceramente, eu sinto que tem uma fruta má vontade de nos ajudar e ainda ficam travando o caminho da Zenit pra nos trazer melhorias. ¬¬"


                    Comentar


                    • #14
                      Me pergunto onde vem pode magico do char magico mago sacer e xamã?

                      Comentar


                      • [GM]Titania
                        [GM]Titania comentou
                        Editando um comentário
                        As fórmulas de dano em área dessas classes levam em consideração geralmente nível, Poder de Ataque mínimo e máximo da arma e inteligência, além de danos fixos. A grande exceção atual é o Impacto Espiritual, que teve sua formulação completamente alterada, levando em consideração o dano fixo + porcentagem em cima do Poder de Ataque base, mas sofrendo influência de Forças Mágicas, Cabeções (incluindo Poção Cabeça de Abóbora e família) e Buff da coroa do BC (assim como as formulações anteriores também). =]

                        @edit: Relendo a resposta, acho que fica ainda mais claro colocar a fórmula atual do Impacto Espiritual para melhor compreensão:

                        • De 310 + 100% do Poder de Ataque da personagem no nível 1 até 400 + 320% do Poder de Ataque da personagem no nível 10

                        Se quiser se contextualizar melhor sobre esse ponto específico, a referência tá aqui.

                    • #15
                      Boa tarde, guys! \o/

                      O tópico me pareceu muito mais uma discussão entre vocês e curtimos quando tem esse tipo de interação.
                      Por isso, não vim aqui interferir, só agregar informação em alguns pontos que possam ser pertinentes ter uma resposta nossa:


                      Postado originalmente por SacizeiiirO Ver Post
                      O problema do balanceamento de classes é que até hoje não se tem uma visão muito clara sobre qual o papel de cada classe no jogo e isso acaba gerando diversas distorções no balanceamento. No caso da Sacerdotisa, isso é multiplicado em algumas vezes. Ela é uma personagem suporte, interessante, mas quais seriam suas características defensivas? Ofensivas? Qual seria sua real função de suporte já que tanto a Ressurreição quanto o VL viraram itemshop? Nenhuma dessas perguntas tem uma resposta clara e unânime atualmente. Na época, era pior ainda.
                      Do ponto de vista da Zenit Games: A Sacerdotisa é um personagem de suporte defensivo (já que o kit de suporte dela conta com curas + HP + absorção escondida do VL + regen, além de ter buffs defensivos pra ela mesma, dando evasão e defesa), além de ser especialista contra Mortos Vivos, e deve fazer isso muito bem. Contudo, ela pode alcançar níveis satisfatórios de dano com o uso da build correta. Não terá um ataque de alvo único como a Arqueira, por exemplo, e teria que abrir mão de mais coisas do que as demais classes para chegar ao dano desejado (com exceção de níveis mais altos, já que com mais pontos você tem mais conforto para montar uma build), mas a possibilidade existe.
                      Nossos objetivos atuais com o Balanceamento de Classes é sempre trazer um equilíbrio, possibilitando independência, mas ressaltar as características individuais que são acentuadas pela própria existência das habilidades de cada personagem, procurando valorizar seus papeis em um conjunto.

                      Em relação ao Pergaminho da Ressurreição e aos Chocolates/Pirulitos, são itens que foram implementados antes da nossa administração. Infelizmente, não consigo esclarecer qual foi a exata intenção ao inseri-los, sinto muito.

                      Por fim, se pensarmos em um âmbito geral, dificilmente conseguiremos uma resposta unânime para as funções de cada classe. Isso porque ou as pessoas se acostumaram com fórmulas defasadas do jogo, tendo uma cultura muito forte contra determinados tipos de classe, ou se acostumaram em ter determinadas características acentuadas em um processo que está em andamento. Esperamos conseguir chegar em um senso melhor estipulado, mas unanimidade entre a comunidade é quase impossível.


                      Postado originalmente por qshithein Ver Post
                      ​​​​​​Não pode reclamar de nada da Sacer que sempre vem gente dizer que ela tem o maior dano em área do jogo. Sendo que só é dessa forma se ela estiver usando os buffs do xm.
                      Então ela n tem o maior dano do jogo, ******.
                      Analisa o personagem individualmente, embora muitos tenham seus buffers (eu msm tenho Sacer e xm 14x+) não é por aí que a régua tem que ser medida.
                      Citei o qshithein, mas vale para quem mais tenha tocado no assunto.
                      A gente precisa medir a régua levando a Sacerdotisa (e qualquer classe) ao máximo do máximo. Isso porque tem gente que gosta de usar todo e qualquer artifício do jogo para ficar mais forte. Se a gente não prever esse cenário e equilibrá-lo, dá nem tempo de respirar depois de uma manutenção pra mandarem um "Tal classe é forte demais" e a gente chegar em mais desequilíbrio!
                      Concordo que sim, um cenário casual e solo deve ser analisado, e temos procurado muito olhar para esse lado também. Mas não podemos diminuir a importância dos patamares maiores de dano. \o/

                      Por último, a quem está desesperançoso com o Balanceamento da Sacerdotisa, eu entendo o sentimento pelo que vocês observam. Mas ei, não é porque modelo x tá sendo seguido, que classe y não será otimizada, tá bem?
                      O objetivo é que alcancemos um patamar legal para todo mundo. Faremos o nosso possível pra isso, adequando os procedimentos ao passe que formos alcançando novas realidades.
                      Queria muito já entregar a personagem linda e prontinha pra vocês, assim como as demais classes. Vai rolar ainda, mesmo que seja aos poucos.

                      Comentar

                      Carregando...
                      X